Archive for December, 2011

Mas este quero acabar mesmo porque é sobre American Horror Story. E sim, eu fiquei completamente apaixonada e apanhadinha pela série. Now what?

DAY 1. FAVORITE EPISODE:
DAY 2. FAVORITE FEMALE CHARTER(DEAD OR ALIVE):
DAY 3. LEAST FAVORITE FEMALE CHARACTER(DEAD OR ALIVE):
DAY 4. FAVORITE MALE CHARACTER(DEAD OR ALIVE)

DAY 5. LEAST FAVORITE MALE CHARACTER(DEAD OR ALIVE):
DAY 6. MOST INTERESTING MURDER IN THE MURDER HOUSE:
DAY 7. FAVORITE SCENE:
DAY 8. PICK A CHARACTER YOU WISH DIDN’T DIE:
DAY 9. FAVORITE FLASHBACK:
DAY 10. MOST SHOCKING/SCARIEST/CREEPIEST/FUCKED UP SCENE:
DAY 11. FAVORITE QUOTE:
DAY 12. FAVORITE SONG ON THE SHOW:
DAY 15. PICK A GHOST YOU WISH WOULD VANISH:
DAY 16. HOW DID YOU HEAR ABOUT THE SHOW:
DAY 17. DO YOU BELIEVE IN THE DEVIL:
DAY 18. DO YOU THINK BEN IS A GOOD HUSBAND:
DAY 29. WHO DO YOU WANT TO KNOW MORE ABOUT:
DAY 20. WHAT DO YOU THINK ABOUT CONSTANCE AND LARRY:
DAY 21. HOW DO YOU FEEL ABOUT TATE AND THE THINGS HE’S DONE:
DAY 22. WHAT DO YOU THINK OF VIVIAN:
DAY 23. FAVORITE/LEAST FAVORITE PARING ON THE SHOW:
DAY 24. HOW DO YOU FEEL ABOUT VIOLET:
DAY 25. WHICH WAS YOUR FAVORITE BEN CRYING SCENE:
DAY 26. IS THE SHOW PREDICTABLE TO YOU:
DAY 27. WHAT MADE YOU DECIDE TO WATCH AMERICAN HORROR STORY:
DAY 28. WOULD YOU RATHER BE FOREVER A GHOST OR ALIVE IN THAT MURDER HOUSE:
DAY 29. LIST YOUR TOP 6 FAVORITE MOMENTS ON THE SHOW:
DAY 30. WHAT DID YOU THINK OF THE FINALE :

Tumblr_lnz7pxpo5x1qg9lbgo1_500_large

Lembro-me que no ano passado, à conversa com colegas, uma amiga minha admitiu que era bissexual. Eu já sabia disso e a maioria das pessoas a participar na conversa nem ligou, nem criticou, nem disse nada de nada, era algo normal, ou pelo menos era algo que ninguém tinha haver. Mas uma rapariga de mente fechada e mesquinha teve o descaramento de dizer com ar de espanto:

        -O quê?! Tu?! Só podes tar a brincar! Diz-me que tás a brincar!
Eu não gostei e não me lembro bem do que disse, mas provavelmente foi:
        -Qual é o problema? Tens alguma coisa haver com isso?
A minha amiga decidiu desmentir e dizer que estava a brincar e eu acabei por fazer o mesmo. No fim falei com ela e tudo o que me lembro é dela falar com nojo da rapariga de mente fechada. 
E durante algum tempo ela teve uma namorada, não me lembro durante quanto tempo ou se foi realmente algo mesmo sério, mas lembro-me que eu lhe perguntava como é que funcionava uma relação com outra pessoa do mesmo sexo e ela ia-me respondendo com poucos rodeios porque sabia que eu só tinha curiosidade e que não ia criticar. 
Desde que entrei na adolescência sempre estive rodeada de pessoas de várias orientações sexuais, embora os heteros dominem em questões estatísticas assim como os homofóbicos. Só que, não existem gays completos ou heteros a cem por cento. Há mesmo teorias que admitam que nós nascemos bissexuais e só depois a sociedade nos enfia coisas na cabeça. Eu não sei eu só sei que sempre vivi num mundo cheio de pudores e mitos que me fizeram pensar em pequena que era errado a masturbação, que o sexo era para pessoas pobres e sujas, que o sexo era algo do diabo, que as pessoas que se tocavam iam para o inferno, que só havia amor entre uma mulher e um homem, que era errado, que era mau, que era do diabo, que Deus me ia castigar, que Jesus ia saber. E enquanto que os pais encorajam os meninos a masturbarem-se, repreendem as meninas. Pelo menos na minha infância, pelo menos comparando as histórias e os podres de amigos e colegas. E se a sociedade ainda tem problemas com o raio da masturbação é óbvio que os problemas e pudores com os gays e bis são bem maiores. 
Não entendo, não entendo. Ainda neste período pessoas da minha turma andaram durante muito tempo a gozar com um bissexual/gay da minha escola, e houve um rapaz que se andou a gabar de ter gritado “Gays? Não! Eles que vão para o inferno” (ou algo parecido, já nem sei) no primeiro andar e o rapaz bissexual/gay ter ouvido lá em baixo. E eu não gostei da situação, não gostei.
É que enquanto uma parte das pessoas vão abrindo cada vez mais a mente, outra parte parece que fica nas cavernas sem evoluir. 

Tate & Violet + Ano Novo

Posted: December 30, 2011 in Nem merece uma tag
Vi este post no tumblr há alguns tempos e gostava de vos mostrar visto que 2012 é o último ano que resta aos humanos porque como todos nós sabemos o fim do mundo é no dia 21 do 12 de 2012. Estava a brincar.

E fiz um vídeo. Sim, sobre o Tale e a Violet (AHS) podem vê-lo: 

Balanço do Natal

Posted: December 26, 2011 in Bipolaridades
Então vocês, muito queridos e fofinhos devem estar a perguntar-se o que é que eu recebi no Natal, ou nem por isso.

Vá digamos que este natal foi deveras melhor que o do ano passado e até o melhor em oito anos. Não sete, porque há oito anos recebi a quinta do pin e pon que é super fixe e há poucas coisas que conseguem ser melhores do que isso.
Este ano passei o natal em casa duma das derpinas das minhas irmãs (eu tenho umas doze, não, são só duas por acaso) e respetivo noivo. Recebi mensagens de bom natal de anónimos mas não quis perguntar a verdadeira identidade por uma questão de ética, tive uma overdose de camarões, comi o que todos os portugueses comem no natal (bacalhau com batatas), fui buscar as prendas a casa dos primos, um primo que se queixa das prendas todos os anos recebeu só uma o que foi awesome mas ninguém fala disso, fui para casa, abri as minhas prendas que estavam debaixo da árvore, comi aborrecida os chocolates milka com corações de recheio de morango a ver televisão, a sério, quem é que oferece chocolates de são Valentim no natal? Nunca recebo raffaelos, NUNCA.
E fiz aquilo que só faço uma vez por ano: Vi tvi e sic. Foi só mesmo porque esteve a dar o Ice Age 3, o Christmas Carols, o filme do menino gordo e da casa flutante e Toy Story 3.
E o que é que eu recebi no final de contas? Um livro do diário do banana, um livro de Ken Follett (Um mundo sem fim), meias, luvas sem dedos, chocolates milka, uma coisa de fazer selos personalizados, um cachecol cor de rosa e acho que mais nada. Ah poijé, o meu iPhone quase me esqueci. Não, estava a brincar, não recebi nenhum iPhone. iPhoda-se.

image

  1. O meu quarto fica (mais) desarrumado e por consequência não encontro a minha roupa
  2. Ela critica humanidades a dizer que ela estudava nas férias (estudou ciências e tecnologias)
  3. ESTÁS ANTIPÁTICA, ÉS ANTISOCIAL, NÃO SEI QUÊ. Podes fechar a porta porque se não.. . ESTÁS ANTIPÁTICA, ESTÁ SEMPRE NO PC, BLA BLA BLA. O quarto está a ficar frio, caraças. PARA COM ISSO, ÉS MESMO ANTIPÁTICA, JÁ TE CALAVAS UM POUCO. #Poker face.
  4. Então, os cientistas fizeram isto (palavras cientificas) e, e depois eu aprendi a (mais palavras cientificas) mas antes os médicos especialistas foram lá e… (passados 15 minutos) Foi assim que eu consegui aprender a fazer não sei o quê (palavras cientificas) – isto era suposto ser uma piada mas que ninguém percebeu
  5. Fico sem o sofá fixe da sala e portanto tenho de ver séries no meu pc noutro lado o que é aborrecido
  6. Não posso estar tranquila no tumblr. Mostro-lhe uma coisa e fica atrás de mim duas horas. É impressionante
  7. Fico sem o sofá fixe da sala e sem o comando da meo que era meo mas ela tirou-mo quando chegou com a desculpa de NÃO TENHO TV POR CABO EM BARCELONA VÊ LÁ SE TE CALAS
  8. Tenho de lavar a loiça na mesma porque ela tem sempre os dedos cortados. Já os arrancava duma vez por todas
Mas não faz mal. Ela continua a ser minha irmã.
image