"Os monstros são criados por outros monstros"

Posted: February 9, 2011 in Cenas que escrevo
Tumblr_lgcyf45sil1qd448no1_500_large

Uma mãe observava a sua garrafa de vinho com um olhar perdido e indiferente, era assim que ela encarava a vida, o seu filho pequeno, estava deitado no sofá, ele tinha medo mas de certo modo já aceitara a cruel realidade de ter uma mãe alcoolica e sabia que quando a garrafa acabasse, ele teria duas opções, ele iria buscar outra garrafa ou ela bateria nele. Infelizmente ele não tinha hipótese de escolha.

As estações passavam e o menino teve que aprender a crescer nesse clima doentido com cheiro de cerveja e vodka que lhe entupia o nariz e fazia-o pouco a pouco, perder a sua inocencia.
Ele não conseguira fazer amigos na escola, e no liceu as suas paixões nunca foram correspondidas, por isso ele sentia-se rejeitado, mas não demorou a que esse sentimento de rejeição se transformasse em raiva e em revolta, o que o levou a escolher os maus caminhos da vida. Juntou-se a um gangue, onde se sentia de certo modo acolhido, e foi cometendo crimes. Um dia sem dó nem piedade, vingou-se da mãe. Colocou veneno na sua garrafa de vinho e na manhã seguinte ela estava morta no chão sujo da sala.
Ele tornou-se num monstro tal como a sua mãe, e é assim que a maioria dos monstros vem ao mundo.
Advertisements

Comenta aí

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s